Prefeito Suly assina Convênio de Dois Milhões com Funasa para melhorias Habitacionais no Controle da Doença de Chagas

Sexta, 21 de Dezembro de 2018

Saúde

O Prefeito de Igaporã, Suly Fagundes, assinou na última terça-feira (18), mais um convênio para o município, agora no valor de dois milhões de reais. O convênio foi firmado com a Fundação Nacional de Saúde (FUNASA), ao lado da coordenadora geral de convênios da fundação, Lílian Capinam, na sede da entidade, e faz parte do Programa de Melhorias Habitacionais para o Controle da Doença de Chagas (MHCDCh).

 

A Doença de Chagas (DC) é uma doença infecciosa, também conhecida por “Tripanossomíase Americana”. É causada pelo protozoário flagelado Trypanosoma cruzi, que é transmitido pelo contato com as fezes dos insetos vetores, chamados de “barbeiros” no Brasil.

 

A existência de habitações cujas condições físicas favorecem a colonização desses insetos, associados à dificuldade de êxito no controle desses vetores, com inseticidas, constituem fatores que recomendam a melhoria habitacional como medida essencial do programa.

 

Segundo o Prefeito Suly Fagundes, é mais um convênio que a Administração Municipal traz para Igaporã com o intento de melhorar a qualidade de vida das pessoas. “Nós temos ciência que a nossa região ainda tem muitas pessoas vítimas da doença de chagas, por isso corremos atrás da parceria, que vamos lançar junto à secretaria de saúde do município, a fim de melhorarmos as habitações que se encontram em condições precárias e assim minimizar a proliferação do barbeiro”.

 

Ainda segundo o Prefeito Suly Fagundes, o projeto já será estudado a partir de janeiro de 2019 e até junho estará em execução no município. A seleção das residências que receberão as ações do programa vai envolver os agentes comunitários de endemias, para identificação das casas mais suscetíveis ao surgimento do barbeiro.

 

O Programa de Melhorias Habitacionais para o Controle da Doença de Chagas fomenta a execução dos seguintes objetos:

Restauração – reforma de domicílio, visando à melhoria das condições físicas da casa, bem como do ambiente externo (peridomicílio);

Reconstrução – caso especial, quando a estrutura da habitação não suporte as melhorias necessárias, a mesma deverá ser demolida e reconstruída.


Diretoria de Comunicação - Prefeitura de Igaporã


Últimas Notícias