Prefeitura Municipal prioriza promoção de Saneamento Básico para Igaporã

Sexta, 14 de Dezembro de 2018

Gabinete

Plano Municipal de Saneamento Básico será concluído em 2019

 

Composto pelos serviços de abastecimento de água, coleta de resíduos sólidos, coleta e tratamento de esgoto e manejo de água pluvial, os serviços de saneamento básico passaram a ser atendimento prioritário da Prefeitura de Igaporã, desde o início da atual administração. Diversas ações vêm sendo executadas desde o ano de 2017, visando oferecer um saneamento melhor ao município e, consequentemente mais saúde e qualidade de vida. Agora a administração do Prefeito Suly Fagundes, além dos investimento no abastecimento de água e coleta de resíduos, está empenhada na construção e execução do Plano Municipal de Saneamento Básico, instrumento estratégico de planejamento e de gestão participativa.

 

Ao longo deste ano, a Administração Municipal pôs em funcionamento o Sistema de Esgotamento Sanitário, que coleta e trata os resíduos produzidos pela cidade. Mais de 70% das residências já estão ligadas à rede de esgoto, que segue em plena operação.

 

No âmbito do abastecimento de água, a atual gestão tem ido de encontro à crise hídrica que assola muitos municípios do nordeste e manteve o fornecimento de água de maneira contínua durante todo o ano de 2018. Para isso, poços tubulares foram perfurados e o sistema é monitorado constantemente, a fim de evitar perdas e desperdício. Ainda sobre o abastecimento de água, a gestão municipal também tem investido na perfuração de poços para garantir o abastecimento de comunidades rurais, como por exemplo a região de Cachoeira do Tatu, que agora tem água encanada diretamente nas torneiras das residências.

 

Em se tratando da coleta e destinação dos resíduos sólidos, a Prefeitura de Igaporã elevou o lixão municipal ao estado de Aterro Controlado, que agora conta com áreas específicas para o depósito de lixo e com rotinas para evitar a queima de rejeitos. Além disso, a Administração vem realizando um estudo completo para em breve implantar os serviços de coleta seletiva em toda a cidade.

 

 Agora, o governo municipal está empenhado na construção do Plano Municipal de Saneamento Básico (PMSB), documento que estabelece as diretrizes de saneamento e fixa as metas de cobertura e atendimento com os serviços de água; coleta e tratamento do esgoto doméstico, limpeza urbana, coleta e destinação adequada do lixo urbano e drenagem e destino adequado das águas de chuva. O PMSB foi definido pela Lei n.º 11.445/2007 e deveria estar pronto desde 2014. Como ponto de partida, o município firmou parceria com o Instituto Federal da Bahia e com a Fundação Nacional de Saúde e realizou a conferência inicial para construção do PMSB. As próximas etapas para formulação do plano estão previstas para acontecer no início de 2019 com o estudo e mobilização das comunidades rurais e urbana.

 

O Prefeito de Igaporã, Suly Fagundes, ressalta que os investimentos que estão sendo feitos para garantir mais saneamento para Igaporã irão, a longo prazo, garantir mais qualidade de vida para todos. “Temos uma preocupação eminente com o abastecimento de água e estamos trabalhando tanto na sede quanto na zona rural, para levar água para todos. Mas não perdemos de vista outros processos como a coleta de resíduos sólidos e tratamento de esgoto. Por isso estamos trabalhando não somente com um eixo de serviços, mas num conjunto muito maior. Igaporã está entre os cinquenta municípios da Bahia que está construindo seu plano de saneamento básico e isso nos orgulha muito. Além disso, apenas 30,4% dos municípios brasileiros conta com Planos de Saneamento Básico e, por isso, Igaporã sai muito a frente de muitos municípios”, destacou o prefeito Suly.

 


Diretoria de Comunicação


Últimas Notícias